O que faz um letrólogo?

Antes de falar sobre o que faz um letrólogo, você precisa entender quem é esse profissional. O letrólogo nada mais é do que alguém formado na faculdade de letras. Mas é importante lembrar que existem duas modalidades desse curso: o bacharelado e a licenciatura em letras. E cada uma dessas modalidades capacita o profissional para uma forma de atuação diferente. Por isso, é importante entender bem sobre cada curso e optar por aquele que tenha mais relação com as suas habilidades e o seu objetivo profissional.

 

Bacharelado X Licenciatura em Letras

A licenciatura é a única modalidade que prepara o estudante para a docência, ou seja, depois de formado, será possível dar aulas na área. No caso, é possível encontrar curso de licenciatura em letras com habilitação em língua portuguesa ou em outros idiomas como inglês e espanhol. Já o bacharelado também forma profissionais conhecedores da estrutura da língua, mas que não podem utilizar esse conhecimento para o ensino.

 

Mas, afinal, o que faz um letrólogo?

Partindo da ideia de que o letrólogo é o profissional formado na faculdade de letras, podemos dizer que entre as possibilidades de trabalho está o ensino em colégios públicos e particulares, além de cursinhos pré-vestibulares, escolas de idiomas e até mesmo, cursos empresariais. Mas essas opções são somente para os formados no curso de licenciatura em letras.

Já o bacharel tem outras oportunidades a sua espera como: ser intérprete em conferências, reuniões e congressos; revisar e preparar textos antes da publicação; traduzir textos sejam eles literários, científicos ou técnicos; além de realizar pesquisas teóricas de linguística ou literatura.

Ou seja, já deu pra ter uma ideia de que o leque de atuação de um letrólogo é bem extenso. Sendo assim, sempre há boas oportunidades no mercado de trabalho, aguardando profissionais qualificados e com bom conhecimento na área.

 

Licenciatura em letras EAD

Se você está convencido em iniciar os seus estudos em uma faculdade de letras, agora que já conhece um pouco sobre as duas modalidades de ensino, precisa escolher uma boa instituição que se adapte a sua rotina. Sendo assim, o curso de licenciatura em letras a distância aparece como uma boa solução aos estudantes. Afinal, você pode estudar quando e onde quiser, só precisa ter ao seu lado um dispositivo móvel com acesso a internet.

Vale dizer que, atualmente, os cursos de licenciatura em geral, estão com mais alunos matriculados no modo EAD do que no presencial. Isso acontece, porque as pessoas estão percebendo as vantagens de estudar quando e onde quiser, e assim, conseguir organizar melhor o trabalho com os estudos e demais atividades e compromissos diários. Então, vamos falar um pouco mais sobre as vantagens da licenciatura em letras a distância.

O primeiro ponto é a economia de dinheiro. Afinal, você não precisa se deslocar todos os dias para uma faculdade. Dessa forma, economiza o dinheiro do combustível ou da passagem no transporte público. Mas não é só isso, a mensalidade tende a ser, no mínimo 50% mais barata no curso EAD. Porém, não confunda valor mais baixo com qualidade inferior. Só é possível praticar essa mensalidade mais baixa, pois a instituição não precisa manter uma grande estrutura física para receber seus alunos todos os dias, sendo assim, também não possui esses gastos e pode repassar a economia aos seus alunos.

Mas, vale lembrar que alguns pontos não diferem o curso EAD do presencial. Por exemplo, ambos seguem as diretrizes do Ministério da Educação (MEC) e por isso, possuem a mesma base de ensino. Aliás, recentemente, o MEC considerou que todos os cursos de licenciatura devem possuir no mínimo quatro anos de duração. E essa nova regra se tornou válida para os dois formatos do curso.

Além disso, o diploma é o mesmo do presencial. Na verdade, não há nenhuma informação de que o aluno optou pela versão a distância. Ou seja, a licenciatura em letras EAD traz vantagens de economia de dinheiro e otimização do seu tempo, sem perder a qualidade de ensino e te deixando bem preparado para enfrentar os desafios do mercado de trabalho. Então, conheça instituições que ofereçam o curso a distância, peça uma prévia do material de estudos, conheça a grade curricular e comece o seu futuro de sucesso hoje mesmo.

Trocar conta do Hotmail para o Gmail: é uma boa ideia?

Se você quer muito trocar sua conta do Hotmail para a do Gmail, basta que inicie a sessão no Hotmail e depois cole https://account.live.com/AddAssocId na barra de endereços. (Você pode chegar até essa página ao procurar por configurações completas, e-mail, e-mail sincronizado, etc., mas é um procedimento conhecido por ser muito mais complicado, por isso, é mais indicado copiar o link e colocá-lo em seu navegador. 

Assim, crie um pseudônimo no formulário seunome@outlook.com, e defina este como o seu endereço de correio eletrônico principal, tudo para facilitar seu uso. Veja aqui dicas para entrar no Hotmail e muito mais.

Você pode agora utilizar a mesma caixa de entrada para enviar e-mails tanto do seu antigo Hotmail como do seu novo endereço Outlook.com, e alternar entre eles para uma melhor usabilidade.

Se enviar e-mails a partir do seu endereço Outlook.com, a maioria das pessoas começará a utilizá-lo consequentemente. No entanto, qualquer coisa enviada para o seu endereço Hotmail continuará a chegar na mesma caixa de entrada, dessa forma que não importa realmente qual dos dois você utilizar com mais vontade. A Microsoft tem usado endereços Hotmail desde que comprou o serviço em 1997, e não espera-se que alguma vez deixe de usá-los.

Note que também é possível adicionar pseudônimos para qualquer um dos seus antigos endereços de correio eletrônico. Isto pode ser útil se tiver um correio eletrônico que raramente utiliza mas não quer excluí-lo. Defina-o para encaminhar todos os e-mails recebidos para a sua caixa de correio eletrônico Hotmail/Outlook.com e responda a partir daí.

Gmail VS Hotmail

No início, o Gmail tinha várias vantagens significativas sobre o Hotmail. A principal delas era que oferecia 500 vezes mais armazenamento: 1GB! O Gmail também tinha destaque quando o assunto era pesquisa e bloqueio de spam, e funcionava como uma aplicação em vez de uma página web HTML. (HoTMaiL obteve o seu nome a partir do HTML.) Isto tornou o Gmail mais rápido e mais reativo.

Muitas atualizações mais tarde, os dois serviços estão muito mais próximos. O fato de poder configurar o Outlook.com para funcionar tanto como Outlook ou hotmail é uma alternativa boa. O Outlook.com ainda tem pastas em vez das etiquetas do Gmail. Além disso, o Outlook.com tem mesmo a vantagem de oferecer mais armazenamento. Ambos os serviços fornecem agora 15GB. No entanto, o armazenamento de correio eletrônico do Outlook.com é, vai além dos 5GB gratuitos que se obtêm com a OneDrive, enquanto que o Gmail partilha os seus 15GB com o Google Drive.

Neste momento, muitas pessoas preferem o Gmail. Isso porque é ainda mais rápido; a sua pesquisa e bloqueio de spam ainda funcionam melhor. Se quiser mudar do Hotmail para o Gmail, ou vice-versa, então terá que abrir uma nova conta. A parte mais difícil é encontrar um endereço de e-mail ainda utilizável, visto que com a democratização da internet, hoje em dia é muito mais difícil conseguir um usuário único sem que alguém já tenha utilizado o mesmo.

Dessa forma, fique atento em como funciona esse processo, quais são as formas de usar cada email em específico e demais propriedades que podem te ajudar no manuseio de ambos os correios.

O que educação física estuda

Ao longo dos quatros anos da faculdade de educação física, o aluno terá contato com diferentes disciplinas que o deixarão preparado para ser um excelente profissional de educação física ou professor de educação física.

E além de realizar um curso de educação física, seja educação fisica ead ou presencial, para que o profissional execute um bom trabalho de educação física será necessário estar em constante atualização, realizando diferentes cursos na área da educação.

Matérias do curso de educação física

A graduação ou licenciatura em educação física tem duração de quatro anos e o curso é dividido em oito semestres. Nos quatro primeiros períodos as disciplinas são História da Educação; Prática Textual em Língua Portuguesa; Formação Docente para a Diversidade; Filosofia da Educação; Libras – Língua Brasileira de Sinais; Sociologia da Educação; Introdução à Educação Física; Psicologia da Educação; Políticas Educacionais e Organização da Educação Básica; Didática; Educação Ambiental e Cidadania; Fundamentos de Citologia e Histologia; Atividade Integradora; Currículo e Planejamento da Educação Básica; Fundamentos da Educação Inclusiva; Educação e Ludicidade; Anatomia e Fisiologia Humanas; Recreação e Lazer; Fisiologia do Exercício e do Esporte; Metodologia da Educação Física Escolar; Metodologia do Ensino de Ginástica; Metodologia do Ensino de Atletismo; Direitos Humanos e relações Étnico-Raciais; Psicomotricidade no Contexto Escolar; e Atividade Integradora II.

Por outro lado, nos quatro semestres finais, há matérias de Metodologia do Ensino de Voleibol; Jogos, Brinquedos e Brincadeiras na Educação Física; Estágio Supervisionado I; Prevenção de Acidentes e Socorros de Urgência no Ambiente Escolar; Transversalidade na Educação; Metodologia do Ensino de Futebol e Futsal; Metodologia do Ensino de Lutas; Metodologia do Ensino de Basquetebol; Promoção da Saúde na Escola; Avaliação da Aprendizagem; Atividade Integradora III; Metodologia do Ensino de Handebol; Metodologia do Ensino de Atividades Aquáticas; Estágio Supervisionado II; Gestão Educacional; Direitos Educacionais de Crianças e Adolescentes; Atividades Rítmicas e Dança; Métodos e Técnicas de Pesquisa; Tópicos Especiais; Trabalho de Conclusão de Curso – TCC; Educação Física Adaptada e 200 horas de Atividades complementares (que podem ser realizadas a partir do início do curso).

E ainda, além da grade curricular descrita anteriormente, é necessário cumprir também as Atividades Formativas, para refletir sobre as disciplinas já vistas e também cumprir um Estágio Supervisionado, onde serão relacionados os conteúdos aprendidos com a prática da futura profissão.

A importância da educação física na atualidade

Conforme mencionamos anteriormente, a educação física exige que o profissional esteja em constante expansão, sempre se atualizando para atender as pessoas da melhor maneira possível. Cada vez mais na sociedade atual existe a preocupação em manter uma boa saúde, tanto física como mental. E, manter um bom condicionamento físico com toda a certeza contribuirá muito para a saúde do corpo e da mente. A prática de atividades físicas regulares é de suma importância em qualquer faixa etária.

Ao praticar uma atividade física as pessoas podem inclusive prevenir doenças, como por exemplo, problemas cardíacos, obesidade, diabetes e até mesmo câncer. Um profissional de educação física é fundamental para orientar corretamente sobre as atividades que podem ser executadas. Com a educação física, além da melhora na saúde do corpo, também é possível notar mudanças para melhor tanto no humor como na autoestima. Praticar corrida, caminhada, natação, entre outras atividades com toda a certeza contribuirá para diminuir as chances de aparecerem transtornos mentais, como por exemplo a depressão e a ansiedade.

Praticar uma atividade física com regularidade proporciona sensação de bem-estar e relaxamento. Cada vez que uma pessoa realiza um exercício corporal, há liberação de endorfina, que é uma substância natural produzida pelo cérebro durante e após essa prática. Conhecida também como o hormônio da alegria, a endorfina ajuda muito na redução do estresse e da ansiedade, características que infelizmente estão cada vez mais presentes na sociedade atual.

A Organização Mundial da Saúde recomenda que sejam praticados pelo menos 150 minutos de atividade com intensidade moderado por semana, isto apenas para o combate ao sedentarismo. E ainda, você pode dividir essa prática em períodos de apenas 30 minutos de exercícios físicos durante de segunda a sexta-feira. Mas, lembre-se que no caso de pessoas sedentárias, elas devem começar devagar e ir aumentando o ritmo na medida em que forem melhorando o condicionamento. Por esse motivo, o profissional que se forma em educação  física é tão importante na sociedade, auxiliando e motivando as pessoas a terem uma melhor qualidade de vida.

Os gatos mais tranquilos para crianças – Lista de raças

Gatos fazem grandes companheiros para as crianças, e muitas vezes eles vão formar e compartilhar uma ligação especial – não há nada mais cativante do que assistir uma criança e seu amigo felino brincando e deleitando na companhia um do outro. Assim como isso, ter um gato de estimação com a ajuda de ensinar as crianças as responsabilidades de propriedade animal de estimação, cuidar dos outros, e ajudar a promover um amor ao longo da vida dos animais.

No entanto, é importante escolher a raça certa de gato para se adequar à sua família e estilo de vida – uma raça tranquila e independente não se sairá tão bem com lotes de barulhentos e pequenos barulhentos sobre. Com as crianças, você vai querer uma raça que é fácil, adaptável e leal, mas é sociável e brincalhão – que vai se deleitar com muito amor e atenção.

Então, se você acha que um gato companheiro seria uma adição bem-vinda à sua unidade familiar, leia para saber sobre algumas das melhores raças de gato para famílias com crianças.

Menina segurando gatinha. Exterior

Maine Coon

O Maine Coon é uma raça bastante grande e resistente – muitas vezes referido como um “gigante gentil” devido à sua natureza doce e amigável.Eles gostam de passar muito tempo fora, participando do jogo e da Atividade, e são conhecidos por serem especialmente leais e carinhosos – tornando-os o gato familiar perfeito. O Maine Coon é um gato de cabelo comprido, por isso vai precisar de aliciamento extra para mantê-los afiados!

Siamês

Gatos siameses são uma raça incrivelmente leal e amorosa que são conhecidos por formar fortes laços com sua família – especialmente os pequenos! Este gatinho social é muito uma pessoa que ama gato, e vai seguir seus donos ao redor como seu pequeno ajudante. Eles são gatos muito inteligentes e atléticos, então desfrutar de muita atenção e estimulação da atividade – alguns até foram conhecidos para jogar fetch!

Birmanês

Uma das raças mais orientadas para as pessoas, o gato birmanês faz o animal de estimação da família purr-fect. Esta raça gentil e amigável prospera no contato humano, por isso deleita-se em muito amor, atenção e carinhos em excesso, é claro! Enquanto eles podem ser uma raça bastante ativa e alerta, eles são muito gentis e tolerantes com as crianças, de modo que os dois estão certos de fazer um par perfeito!

Manx

Esta raça lúdica e ativa é conhecida como o gato “sem cauda”, e é uma raça muito rápida e ágil. O manx tem um alto nível de interação, então anseia por muita atenção e tempo de jogo – perfeito para famílias ativas! Alguns compararam a sua personalidade com a de um cão, já que são conhecidos por enterrar e desenterrar brinquedos como cães. Eles são uma raça muito carinhosa, e vão desenvolver uma ligação muito estreita com a sua família, mostrando-lhes lealdade inabalável. O Manx vem em variedades curtas e longas, de modo que aqueles que são longhair vai exigir um pouco de aliciamento extra.

Persa

Este gatinho muito bonito são uma raça muito dócil e calma, conhecida por seus rostos achatados, esbugalhados e Casacos Longos sensacionais – muitas vezes confundidos com um animal de peluche! O persa não é a raça mais ativa, então vai desfrutar de uma vida luxuosa dentro de casa, arrebatando muito amor e atenção de seus proprietários. Por causa de sua natureza muito suave e tranquila, eles fazem um grande animal de estimação para crianças mais silenciosas.

Ragdoll

O Ragdoll é conhecido por sua tendência a ficar completamente coxo quando é pego – ninguém está totalmente certo porquê. Apesar desta peculiaridade, o ragdoll é realmente considerado uma raça bastante resistente que fazem um grande animal de estimação da família. Enquanto eles são considerados uma raça mais inativa, o Ragdoll ama crianças e até mesmo tem sido conhecido por aprender truques como buscar e jogar cães de estimação mortos – dando uma corrida para o seu dinheiro!

Todas as raças acima par particularmente bem com as crianças, devido à sua natureza muito doce e tolerante – cada uma fazendo um animal de estimação maravilhoso e companheiro para a vida das crianças.

Ao introduzir um novo gato na família, é importante inicialmente supervisionar a interação, isto é para garantir que a criança e gato ambos se respeitam, e nem inadvertidamente prejudicar o outro.

Pode demorar um pouco, mas não vai demorar muito até que o teu gatinho e o teu filho sejam os melhores amigos!

Se você está pensando em dar o mergulho e obter um amigo felino adorável, mas quer mantê-los seguros no ar livre (há muitos perigos escondidos que podem prejudicar um gato errante livre!), um recinto para gatos ao ar livre irá garantir que você kitty ele sempre seguro e feliz! O salão patas, Kitty Kastle e Purrfect Palace, são todos cercas seguras e seguras para gatos que têm a certeza de manter kitty bonita e ronronando!

Melhores Raças De Gatos para Crianças – Tranquilos e bonitos

Possuir um gato não é somente escolher um nome e dar comida, mas tambem  uma ótima maneira de ensinar seus filhos habilidades sociais importantes como responsabilidade, respeito e paciência. Eles são um grande primeiro animal de estimação para a família, porque eles são de baixa manutenção e fácil de cuidar. Assim como com os cães, existem certas raças de gato que são mais adequados para o movimentado hustle e agitação da vida familiar. Esta seção vai passar por alguns dos melhores gatos crianças amigáveis adequados para a vida familiar. Mesmo que as seguintes raças são mais adequados para viver com crianças energéticas é importante que você ensina seus filhos a respeitar o seu gato e ser gentil com ele em todos os momentos. Isto irá garantir que tanto o seu gato e seus filhos obter o máximo de seu relacionamento.

Então, que tipo de gato se dá melhor com crianças?

Abissínio

Os gatos abissinianos são leais, carinhosos e entre os mais brincalhões dos gatos. Eles são muito ativos, curiosos e podem fornecer grande companhia para seus filhos. Esta raça mantém-se sempre ocupada e certamente tem uma cabeça para alturas. Eles vão fornecer muita diversão para você com a sua exploração atlética. Os abissinianos são inteligentes e, com treino de comando, pode até ser capaz de lhes ensinar alguns truques!

Birmanês

Os gatos birmaneses fazem gatos maravilhosos para crianças. Conhecido por sua brincalhona e natureza afetuosa, você e sua família serão constantemente entretidos por suas brincadeiras. Gatos birmaneses também foram conhecidos por buscar, então pode ser bastante Cão como. Eles não se opõem a uma casa ocupada, na verdade eles vão desfrutar de um estilo de vida ocupado com muito amor e atenção de seus filhos.

Maine Coon

O Maine Coon é um gato amoroso e muito afetuoso que pode se adaptar bem a um estilo de vida familiar ocupado. Eles têm uma natureza doce e pode ser muito brincalhão, o que faz deles uma grande raça de gato.

Manx

Um gato tabby manx amigável para crianças

Os gatos Manx são conhecidos por não terem cauda. Esta é apenas uma das razões por que eles são de boa raça para as crianças – sem cauda significa que as crianças não terão a tentação de puxar uma cauda! Os gatos Manx são divertidos para ter em torno da casa e como os gatos birmaneses eles têm sido conhecidos por desfrutar busca. Eles também gostam de alturas, por isso não se surpreenda se você encontrar o seu gato Manx observando-o a partir do topo de uma porta!

Ragdoll

Esta raça recebeu seu nome por sua característica floppy. Estes gatos são conhecidos por coxear muito como um ragdoll quando eles são pegos. Eles são gatos extremamente relaxados e amorosos que são muito Crianças amigáveis por causa de seu temperamento laidback.

Siamês

Estes gatos também são criaturas muito brincalhonas, doces e sociáveis. Eles vão fornecer horas de entretenimento para seus filhos, como eles adoram brincar com brinquedos e se levantar para fazer travessuras enquanto exploram seus arredores.

Persa

Estes gatos são extremamente populares não só por causa de seu rosto bonito distintivo, mas também porque eles são muito calmos, mas gatos brincalhões. Eles anseiam por companhia humana e são conhecidos por serem pacientes com crianças barulhentas.

Como ter bons amigos? Dicas para ser bem relacionado onde quer que esteja

Uma amizade é um vínculo afetivo com outro ser humano que implica confiança, proximidade, intimidade, sem que haja um laço de sangue ou atração física, mas, como se podem encontrar bons amigos?

Por exemplo, encontramos em alguma pessoa com características em comum, seja de personalidade, interesses ou atividades, ou seja, é como um espelho. Podemos até tomar as amizades como um guia, diz a psicanalista.

Muitas vezes podemos pensar que não temos uma amizade positiva porque deixamos de compartilhar interesses ou atividades, ou as personalidades, ou caminhos mudam.

No entanto, se você pensa que uma amizade não é leal, você deve analisar os motivos, isto é, se um amigo não é confiável ou sincero pode pensar em continuidade com ele.

Dicas para encontrar bons amigos

Para que possa escolher boas amizades e desfrutar de sua companhia por um bom tempo, a psicóloga Miriam Hernandez você compartilha as seguintes sugestões:

1. Se questione se  você está procurando em um amigo. Analisa se você procura alguém que compartilhe seus gostos, interesses ou que te ajude a chegar a um ideal.

2. Avaliar a confiança que você sente em relação a essa pessoa.

3. Analise se você tem uma boa comunicação com essa pessoa.

4. Identifica se a conta com o seu apoio. Ou seja, se você se sente ouvido e te dar conselhos ou críticas construtivas, que impliquem carinho.

5. É justo. É dizer que se mostra atenção por ambas as partes e não apenas por seus interesses. É importante questione que tipo de amigos você tem, por exemplo, se você passa a maior parte de seus amigos te trai, certamente, não, é algo, mas é algo que está acontecendo contigo que você está fazendo escolher esse tipo de amizades. E você, tem bons amigos?

Como dizer que está apaixonada pelo seu melhor amigo? Dicas para uma carta reveladora e infalível

Foram cúmplices e confidentes, compartilhado bom e maus momentos, mas de repente você percebe que seu coração começa a sentir algo mais que uma grande amizade. Toda a confiança e carinho imenso fizeram que te se apaixonasse pelo seu amigo, mas como dizer isso para sem perder o relacionamento que já construíram? O primeiro passo é ir além das frases de melhores amigos, é preciso fazer uma verdadeira carta de amor para não deixar dúvidas quanto aos seus sentimentos. Quer mais confiança? Aqui está o passo a passo para guiar seu coração nesta difícil tarefa:

1. Identificando se você está realmente apaixonado

Faça uma pausa e identifica se realmente está apaixonada por ele; a relação tão estreita entre os amigos pode ser confundida com sentimentos de amor romântico,  para te ajudar nisso você pode ir além dos seus sentimentos e parar para reparar sinais físicos de uma paixonite quando está perto daquele alguém especial. Uma vez esclarecido vem o passo mais difícil, ser sincera e confessá-lo. Você tem que estar preparada para a aceitação ou rejeição.

Quando se sentir segura de dizer; busca o momento adequado para expressá-lo e o tempo suficiente. Se você tem nervos ou medo, o melhor é que seja em um lugar privado, onde você se sinta mais confortável.

2. Seja direto

 

Sei direta com ele, mas tem muito toque quando você expressar os seus sentimentos, não procure justificativos. Especialistas em relacionamentos de casal aconselham cuidar as palavras para não parecer que exerces pressão ao esperar por uma resposta absoluta e imediata; dê tempo e espaço para que seu amigo assimile a notícia.

Se você sente muita timidez ou nervosismo, pode escrever-lhe uma carta onde lhe expressar de forma clara e direta o que você sente por ele.

3. Escolha a forma mais apropriada para dizer a verdade

Escolha a forma mais apropriada para ti e para a tua amizade. Se é uma relação contínua, esta deve sobreviver. Evite fazer qualquer coisa que seja pouco natural ou fora do comum. Confie em sua amizade e  assuma o risco, já se preparando para todos os cenários. Afinal, não dá para ter certeza se será correspondido a altura que imagina.

Antes de tudo, seja sutil, honesta e doce; usa toda a informação sobre ele para agir, e não intimidá-lo, afinal, a notícia pode demorar para assentar alguns dias e pode ser conivente se preparar para um distanciamento natural num primeiro momento, até que a outra parte tenha tempo de pensar sobre seus próprios sentimentos.  A recompensa pode valer a pena.

Imposto de renda para pessoas jurídicas (CNPJ) no Brasil – Como funciona?

O sistema tributário brasileiro é de uma enorme complexidade. Entre impostos e contribuições especiais, mais de 60 tributos diferentes incidem sobre os rendimentos e as atividades dos indivíduos e das empresas que operam no país.

A vigente Constituição Federal, promulgada em 1988, atribui poderes tributários, tanto a Federação, como os estados e os municípios. É a primeira a competência para tributar as importações; exportações; rendimentos de qualquer natureza; comércio de produtos industrializados; operações de crédito, de seguro e relativas a títulos e valores mobiliários; bens imóveis rústicos e grandes fortunas.

Para quem tem CNPJ pode-se usar o passo a passo que consta em impostoderenda2019.blog.br para fazer a declaração anual obrigatória sobre os rendimentos da empresa. Entenda como é feita a taxação, abaixo.

Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Colectivas (CNPJ)

Constitui o principal tributo federal e cascalho tanto a renda como os ganhos de capital auferidos por pessoas jurídicas residentes e as filiais, agências ou escritórios de representação de empresas não residentes.

São também sujeitos passivos dos consórcios, que são associações sem personalidade jurídica, de duas ou mais empresas, sobre a base de um contrato com o objetivo de desenvolver uma atividade empresarial ou de fornecer recursos para o desenvolvimento de um projeto de construção ou de outro tipo.

Quanto ao âmbito territorial do imposto, o Brasil adota um sistema de tributação extraterritorial. Isso significa que a base de cálculo compreende não só as rendas geradas diretamente ou através de estabelecimentos estáveis no estrangeiro, mas também o lucro antes de impostos obtido pelas sociedades estrangeiras participadas em, pelo menos, 10%, em função da percentagem de participação detida.

Posteriormente, é possível deduzir o imposto sobre lucros suportado no estrangeiro pela sucursal ou filial, bem como as retenções sobre os rendimentos efetivamente distribuídas à matriz ou ao escritório central, com o limite do valor do imposto brasileiro sobre as mesmas rendas.

Geralmente, as empresas podem optar, para o cálculo da base tributável entre dois diferentes sistemas: um sistema de benefício alegado ou estimado (lucro presumido) e um sistema de lucro real (lucro real) – veja aqui como calcular. 

Podem escolher o sistema de lucro presumido as empresas cuja receita bruta não superior a 48 milhões de reais (cerca de 18,3 milhões de euros) e não operam em sectores excluídos por lei deste sistema. O sistema de lucro presumido é uma forma simplificada no qual os contribuintes que optam por calcular a sua base tributável, aplicando uma percentagem dos rendimentos brutos obtidos durante um trimestre.

Taxações

O percentual aplicável varia de 1,6% (receitas decorrentes da venda de petróleo e gás), 32% (prestação de serviços). Aplica-Se uma taxa de imposto de 15% a esta matéria colectável. Os benefícios que superem uma base tributável de 240.000 reais em um trimestre são gravadas adicionalmente, com 10% a mais.

 

Quando Acontecem as Restituições do Imposto de Renda 2019

A Receita Federal liberou no dia 15/10 o pagamento das restituições do 5º lote do IRPF – Imposto de Renda Pessoa Física. O lote compõe ainda restituições comprometidas de anos anteriores no período de 2008 a 2018. Sendo que o dinheiro será depositado nas contas dos contribuintes.

A consulta para confirmar se a declaração foi autorizada, poderá ser realizada no site do governo, através da página da Receita. Também pelo telefone oficial 146, ambos informando o CPF e a data de nascimento para obter acesso.

Assim, o valor estimado para 2.703.715 pessoas que esperam por ressarcimento é cerca de R$ 3,5 bilhões. Dessa soma, R$ 180.177.859,42 relaciona-se a quantidade contribuintes preferenciais:

  • 848 tratando-se de idosos com mais de 80 anos.
  • 634 contribuintes que possuem entre 60 e 79 anos.
  • 281 pessoas com alguma deficiência mental, física ou doença grave.
  • 056 indivíduos cuja grande parte da fonte de renda está na docência.

A restituição ficará a disposição durante o ano todo no banco. Porém, se o contribuinte não sacar o dinheiro dentro desse período, deverá fazer uma solicitação pela internet, através do Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição ou de forma direta no e-CAC, no serviço Extrato de Processamento da DIRPF.

Caso a quantia não seja autorizada, o contribuinte poderá entrar em contato pessoalmente com qualquer agência do Banco do Brasil ou deverá ligar para a Central de Atendimento nos números de telefone:

  • 4004-0001 capitais;
  • 0800-729-0001 demais localidades;
  • 0800-729-0088 exclusivo para deficientes auditivos.

Para programar o crédito em poupança ou conta corrente no nome do correntista em qualquer instituição bancária.

Como conferir se a restituição está disponível

Para confirmar se a declaração está liberada, o contribuinte deverá como dito antes, acessar o site da Receita ou ligar para o telefone oficial da instituição, Receitafone por meio do número 146. A pessoa pode ainda checar pelo aplicativo Pessoa Física, possível em sistemas IOS e Android.

Correção monetária do valor

O valor da restituição do Imposto de Renda é corrigido pela Selic (taxa base de juros), porém depois que vai para a conta, não recebe numa correção. Sendo que os percentuais de correção costumam ficar entre 3,54% (maio de 2019) 111,82% (entregas de declarações em 2008).

Caso a restituição ainda não tenha sido autorizada, não quer dizer de fato que tenha caído na malha fina, pois ainda faltam 2 lotes para serem pagos em 2019, um em novembro e outro em dezembro.

Data de liberação dos próximos lotes

A restituição do Imposto de renda de 2019 está acontecendo em 7 lotes, durante o período de junho a dezembro. Então, veja abaixo o calendário para os pagamentos seguintes:

  • 6º lote – 18/11/2019;
  • 7º lote – 16/12/2019.

Sabe-se que o 5º lote deverá pagar praticamente R$ 200 milhões a 180 mil contribuintes só do Paraná com uma correção da Taxa Selic a 3,54%. Já para as restituições pendentes, esse número pode chegar a R$ 199,6 milhões, onde 4 mil pessoas nessa situação receberão ao todo R$ 9,2 milhões no geral.

Como foi a vida de Elizabeth Taylor? Veja aqui

A atriz Elizabeth Taylor estrelou filmes como “Gata em Teto de Zinco Quente” e “Disque Butterfield 8”, mas foi igualmente famosa por seus olhos violeta e sua vida amorosa escandalosa, além de suas participações em novelas.

Sinopse

Elizabeth Taylor fez sua estréia no cinema em um Born Every Minute (1942) e alcançou o estrelato com National Velvet (1944). Apesar de ter ganho o Oscar por seu trabalho em Disque Butterfield 8 (1960) e quem tem medo de Virginia Woolf? (1965), Taylor era igualmente famosa por seus muitos casamentos, extensa coleção de jóias e olhos violeta deslumbrantes.

Como foi a vida de Elizabeth Taylor? Veja aqui

Vida no Showbiz

Elizabeth Rosemond Taylor nasceu em 27 de fevereiro de 1932, em Londres, Inglaterra. Uma das estrelas mais famosas do filme, Elizabeth Taylor fez uma carreira que já cobriu mais de seis décadas, aceitando papéis que não só mostraram sua beleza, mas sua capacidade de assumir personagens emocionalmente carregados.

Os pais americanos de Taylor, ambos comerciantes de arte, moravam em Londres quando ela nasceu. Logo após a eclosão da Segunda Guerra Mundial, os Taylors retornaram aos Estados Unidos e se estabeleceram em sua nova vida em Los Angeles.

O desempenho estava no sangue do Taylor. Sua mãe trabalhou como atriz até se casar. Aos três anos de idade, a jovem Taylor começou a dançar, e eventualmente deu um recital para as princesas Elizabeth e Margaret. Pouco tempo depois de mudar-se para a Califórnia, um amigo da família sugeriu que a filha dos Taylors fizesse um teste.

Ela logo assinou um contrato com a Universal Studios, e fez sua estréia na tela com a idade de 10 anos em há um nascido a cada minuto (1942). Ela seguiu isso com um papel maior em Lassie voltar para casa (1943) e mais tarde as Falésias Brancas de Dover (1944).

Seu papel de fuga, no entanto, veio em 1944 com National Velvet, em um papel que Elizabeth Taylor passou quatro meses trabalhando para obter. O filme posteriormente se tornou um grande sucesso que arrecadou mais de US$4 milhões e fez da atriz de 12 anos uma grande estrela.

No brilho dos holofotes de Hollywood, a jovem atriz mostrou que ela era mais do que adepto de lidar com o terreno complicado de celebridade. Ainda mais impressionante foi o fato de que, ao contrário de tantas estrelas infantis antes e depois dela, Taylor provou que ela poderia fazer uma transição perfeita para papéis mais adultos.